_

Impeachment: Genecias Noronha diz que governo quer barrar atividades da comissão nos fins de semana

genecias comissao impeachmentOs líderes dos partidos se reuniram há pouco, na liderança do PSD, para discutir os próximos passos da Comissão do Impeachment, logo após a apresentação do parecer do relator Jovair Arantes (PTB-GO), que está prevista para às 14h, desta quarta-feira(6).

De acordo com o líder do Solidariedade, deputado Genecias Noronha (CE), o principal ponto discutido na reunião foi o tempo de debate na comissão.

 “Todos os deputados terão a oportunidade de debater. O regimento diz que cada parlamentar tem até 15 minutos para falar, o problema é que temos 130 membros, entre titulares e suplentes, mais os outros deputados que não são da comissão, que poderão falar por 10 minutos cada. Isso é um total absurdo!”, explicou o líder.

 Noronha destacou ainda a possibilidade do debate se estender para os fins de semana, mas os partidos da base aliada temem essa continuidade da discussão.

 “Pretendemos começar na sexta-feira, às 15 horas e só terminar na segunda-feira às 17 horas, a votação do parecer do relator. Sabemos que nem todos irão se pronunciar, mas os partidos da base não querem isso, alegando que poderá ser aberto um precedente para que a votação também seja no sábado e no domingo. Mas, temos que cumprir primeiro essa etapa para pensarmos na votação em plenário. Esse é o nosso dever, como membros da comissão especial”, enfatizou Noronha.

 O líder do Solidariedade completou que a maior preocupação dos membros da comissão, é seguir todas as exigências do rito estabelecido pelo Supremo Tribunal Federal (STF) para que não haja qualquer dúvida e, assim, evitar que o processo vá parar na Justiça.

 Reportagem: Polianna Furtado