_

Bancada do Solidariedade elege Genecias Noronha como novo líder

eleito lider sddA bancada do Solidariedade na Câmara elegeu, nesta quarta-feira (17), o deputado Genecias Noronha (CE) como novo líder do partido na Casa. Ele assume o cargo a partir de hoje e irá substituir o deputado Arthur Oliveira Maia (BA). O deputado Fernando Francischini (PR) foi eleito vice-líder.

O presidente do partido, deputado Paulinho da Força (SP), destaca que o fato marca um novo momento para a sigla no Congresso.

“Fizemos uma eleição priorizando os interesses democráticos que o Solidariedade quer levar adiante em 2016. Desde sua fundação, nosso partido mantém o espírito unido e coeso para que retomemos o desenvolvimento econômico e político do Brasil. Para nós está claro que isso se dará com a retirada do PT do poder”, diz.

Genecias demonstra otimismo mesmo reconhecendo o ano de entrave político que sua liderança vai atravessar.

“Agradeço à bancada por ter me aclamado líder do Solidariedade reafirmando o compromisso de nosso presidente de manter o nosso partido embasado em uma política firme de oposição e fiscalização. A crise política, econômica e social faz de 2016 um ano desafiador, mas tenho a disposição necessária para fazer o que for preciso para ajudar a mudar o rumo de nosso país”, afirma o novo líder.

O deputado Fernando Francischini (PR) destaca que o Solidariedade vai permanecer firme na luta pelo impeachment de Dilma Rousseff.

“Chegou a hora de tomarmos tudo o que PT tirou do Brasil, defendermos os verdadeiros interesseses da população cada vez mais espoliada pelo que a corrupção fez com a Petrobras e tantos outros órgãos públicos”, enfatiza.
O líder

Genecias Noronha (CE), 51 anos, é presidente do Solidariedade no Ceará. Empresário, exerce seu segundo mandato de deputado federal. Antes disso, foi vice-prefeito em 2004 e prefeito de Parambu (CE), de 2005 a 2010.

Como integrante das comissões de Desenvolvimento Urbano; e de Finanças e Tributação, o deputado defendeu o aumento de crédito às micro e pequenas empresas, além da Reforma Tributária, como meios de promover uma recuperação dos estados e municípios mais pobres em relação àqueles mais desenvolvidos.
Junto com os parlamentares da oposição, Noronha é a favor da abertura do processo de impeachment da presidente da República, Dilma Rousseff.

Reportagem: Polianna Furtado e Lanna Morais


Foto: (Antonio Barbosa da Silva)